header-blog-do-EAD

Blog do EAD

Tecnólogo é curso superior. E bem aceito pelo mercado!

Postado em 15 de ago de 2019

Com crescimento exponencial na procura por vagas, o tecnólogo é um curso superior vantajoso para quem já sabe qual carreira seguir. Esse tipo de graduação é mais curto e tem demonstrado bons resultados no mercado de trabalho. Leia este post para entender como as empresas vêem a profissão de tecnólogo!

O que diferencia o tecnólogo da graduação tradicional?

O tecnólogo é um curso superior de menor duração, que leva entre 2 e 3 anos para ser concluído. Ele é mais curto porque foca apenas aspectos práticos da profissão e deixa de lado questões estritamente teóricas. Essa modalidade de formação universitária surgiu para suprir demandas das empresas, com profissionais altamente capacitados para cargos específicos.

Assim, o diferencial da graduação tecnológica é seu conhecimento especializado, em comparação com o conhecimento generalista dos bacharelados. Isso faz com que a entrada no mercado de trabalho seja imediata, pois o profissional se forma já conhecendo as rotinas da profissão e com capacidade de solucionar problemas específicos da área.

Pessoas que já ingressaram no mercado de trabalho encontram no curso tecnológico a distância uma oportunidade de obter uma promoção. Um exemplo é o vendedor que deseja ser gerente e por isso faz uma faculdade de Gestão Comercial. Quem está saindo do Ensino Médio, mas já sabe em que setor deseja trabalhar, economiza tempo e dinheiro ao cursar um tecnólogo.

Como o mercado de trabalho encara o tecnólogo?

O que faz um tecnólogo ser desejado pelas organizações é justamente o alto nível de preparo para executar funções específicas nas empresas. Com cerca de um milhão de alunos matriculados em 2017, esse tipo de curso cresceu no Brasil a partir da aceitação das empresas, que notaram a necessidade de profissionais com competências específicas.

As experiências práticas que ocorrem durante a faculdade também atraem o olhar dos empregadores. É interessante poder contratar profissionais qualificados, que não requerem treinamento e estão familiarizados com os processos internos das empresas, softwares e equipamentos.

Na modalidade EAD, os cursos tecnólogos em Gestão de Logística e Gestão de RH estão entre os que registraram maior aumento na procura em 2018. O ensino a distância, inclusive, registrou um aumento mais que o ensino presencial em todos os cursos.

Reconhecimento do MEC

Assim como qualquer bacharelado ou licenciatura, o tecnólogo é curso superior avaliado pelo Ministério da Educação. Eles precisam cumprir com uma série de critérios para garantir a qualidade da formação acadêmica e profissional oferecida, como a titulação dos professores, métodos de avaliação e grade curricular.

O MEC avalia todos os cursos e concede notas entre 1 e 5. Quanto maior a nota, melhor é o curso. Assim, o estudante pode ter a certeza de que ingressou em uma faculdade a distância de qualidade, que o prepara adequadamente para os desafios do mercado de trabalho.

Tecnólogo é curso superior?

Sim, o curso tecnólogo é graduação de nível superior. Já que o tecnólogo é curso superior, após a formatura é possível matricular-se em pós-graduações e prestar concursos públicos de mesmo nível. Durante a faculdade, o futuro tecnólogo pode fazer estágio e intercâmbio, caso tenha interesse.

O diploma desse tipo de curso é igual ao das graduações tradicionais, mudando apenas o nome do curso. Ele tem validade em todo o Brasil, desde que reconhecido pelo Ministério da Educação.

O tecnólogo é o curso superior que atende nichos do mercado de trabalho. É uma formação rápida e eficaz, desejada pelas empresas por estar sempre atualizada e de acordo com suas necessidades.

 

Blog do EAD

Por Blog do EAD

Gostou deste conteúdo? Compartilhe com seus amigos!